O Drywall é um sistema construtivo usado como paredes e forros que está ganhando cada vez mais adeptos, devido a sua rapidez de instalação e por proporcionar obras limpas, que praticamente não fazem sujeira ou geram entulho.  Apesar de ser bastante utilizado em obras comerciais e residenciais, muitas pessoas ainda desconhecem os benefícios que esse material pode proporcionar. Por isso, confira a seguir 15 coisas que você precisa saber sobre Drywall que vão te ajudar a ver esse material com outros olhos e a usá-lo na próxima obra.

1- O Drywall é composto por placas de gesso acartonado parafusadas em uma estrutura de aço chamadas de montantes ou guias.

2- As placas de Drywall podem suportar até 30 kg por ponto de apoio. Se for colocado reforços ligados à estrutura, é possível pendurar objetos de até 50 kg. Ou seja, dá para pendurar quadros, objetos, móveis, eletrônicos…

3- Existem três tipos de Drywall: placas standard, indicadas para áreas secas; placas RF, indicadas para projetos que necessitam de resistência ao fogo; e placas verdes, recomendadas para uso em áreas molhadas como banheiros e cozinhas. O que diferencia as placas é a cor de uma das faces.

4- O Drywall é bem mais leve que o tijolo, por isso não sobrecarrega estruturas e colabora para a redução do tempo de obra. O drywall também gera pouco resíduo e pouco desperdício de material.

5- Por ter a superfície lisa e uniforme, após instalado, o Drywall está pronto para receber diversos tipos de acabamento como cerâmicas, pastilhas, tinta, papel de parede e outros revestimentos.

6- O sistema conta com ótimo desempenho acústico se for instalado corretamente. O Drywall também pode ser preenchido com lã de rocha e mantas para aprimorar ainda mais a acústica do ambiente.

7- O Drywall é um dos materiais preferidos de arquitetos e decoradores. Versátil e flexível, com ele é possível executar com facilidade projetos mais ousados com paredes curvas, nichos, divisórias e tetos diferenciados.

8- Ao contrário da alvenaria, o Drywall não aceita improvisos ou pessoas sem conhecimento técnico na instalação. O processo executivo deve ser realizado por mão de obra treinada. Devido a rapidez de instalação, o sistema Drywall reduz em até 50% a mão-de-obra por metro quadrado.

9- Antes de virar parede de casa o drywall passa por um rígido controle de qualidade para garantir medidas precisas e acabamentos perfeitos. Por isso, o drywall apresenta precisão dimensional, com todos os elementos no prumo, no nível e no esquadro. O que não acontece com as paredes de alvenaria, que dependem da qualidade dos produtos utilizados e da habilidade do pedreiro.

10- As placas de Drywall são resistentes e seguras. Elas seguem normas da ABNT (Associação Brasilieira de Normas Técnicas) que exigem índices de segurança para que o material seja utilizado na construção civil.

11- O preço do Drywall varia conforme o tipo de placa e tratamento acústico. É um material acessível que colabora para a economia de água, tempo de obra e dinheiro.

12- O Drywall facilita a modificação do layout interno dos imóveis com rapidez, sem transtornos e sem quebra-quebra.

13- Facilidade para instalações elétrica e hidráulica e praticidade na manutenção. Para fazer reparos na rede elétrica ou hidráulica, basta recortar o drywall, realizar a manutenção e tampá-lo com o mesmo pedaço retirado.

14- Como as paredes de drywall são mais estreitas que as de alvenaria, é possível ganhar em torno de 5 metros quadrados de área a cada 100 metros quadrados, o que corresponde, por exemplo, a dez metros de armários embutidos.

15- Uma construção ou reforma com drywall utiliza oito vezes menos água e elimina diversas etapas como chapisco e reboco. Enquanto uma obra feita com tijolos e argamassa consome 8 litros de água por metro quadrado, uma construção com drywall usa apenas 1 litro de água por metro quadrado.

FacebookTwitterGoogle+PinterestEmail
(Total de 32 visitas, 1 visistas somente hoje)

Adicionar Comentário