O planejamento inicia durante a gestação – e deve mirar no presente e no futuro a fim de que o espaço seja facilmente adaptado quando a criança deixar o berço. Além do capricho na decoração, é fundamental considerar a higiene e a segurança. A recomendação geral mais ouvida é impedir o acúmulo de pó. Existe um motivo para isso: no Brasil, bate lá em cima o índice de doenças como dermatite, asma e rinite, segundo o pediatra Marcelo Lobo, do Hospital Pequeno Príncipe, de Curitiba. “Todos somos, de certa forma, alérgicos a poeira e ácaros, mas quem sofre de alguma dessas enfermidades tem reações exacerbadas”, explica.

Piso vinílico clicado Beaulieu, cor Oregon Projeto de Bia Ferrari, Luciana Hakim e Vanessa Viali

Quando estiver definindo os revestimentos, dê preferência àqueles de manutenção simples. Para o piso, saiba que o modelo ideal não deve ser irregular, frio ou escorregadio, nem deve provocar muito barulho. Por isso, o piso vinílico é considerado um dos melhores revestimentos para o quarto das crianças.

Piso vinílico Durafloor Art, cor Kamari

A boa absorção acústica, conforto térmico, facilidade de limpeza (apenas com vassoura de pelo ou rodo com pano levemente úmido) e tratamento bactericida tornam esse material uma das opções mais citadas pelos profissionais de arquitetura e decoração. O piso vinílico conta com opções em mantas, placas ou réguas e pode ser instalado através do sistema de encaixe clic ou cola. Além disso, o piso propicia grande variedade de cores e padronagens. “Vale usar um vinílico bem alegre no dormitório das crianças, diferenciando-o dos acabamentos do restante da casa”, sugere a arquiteta Paula Ferraz, de São Paulo.

Piso vinílico em manta Absolute Madero, da Tarkett, que recebeu desenho em formato de quadra de basquete com o piso vinílico Absolute Element na cor vermelha /
Projeto de Mariana Oliveira

Além do piso vinílico, para deixar o quarto mais seguro para os pequenos, opte por mobiliário com bordas e cantos arredondados; escolha um berço que respeite a nova regulamentação do Inmetro e mantenha-o afastado da janela; lance mão de protetores de tomadas e travas de gavetas e portas. Lembre-se, ainda, de distribuir os móveis de modo que não formem degraus – a ideia é evitar que a criança, já maiorzinha, suba na cadeira, alcance a cama e daí a cômoda, por exemplo.

Piso vinílico Imagine Magic, padrão Doodle

Com informações de Casa.com.br

 

FacebookTwitterGoogle+PinterestEmail
(Total de 25 visitas, 1 visistas somente hoje)

Adicionar Comentário